Arquivo para Outros

Enquanto…

Posted in Inspiração with tags , on 13/11/2015 by Joe

Enquanto...

Enquanto você for o que os outros querem que você seja, você não será ninguém!

Desconheço a autoria.

Quem é você?

Posted in Inspiração with tags , , , on 09/09/2015 by Joe

Quem é você

Enquanto você for o que os outros querem que você seja, você não será ninguém!

Pense nisso!!

Desconheço a autoria.

Mais do que o esperado

Posted in Inspiração with tags , , , , , , , , , on 06/09/2013 by Joe

Ir além do esperado

É fácil fazer o que os outros esperam de você. Afinal, as pessoas esperam que você seja você mesmo, e você é bom nisso. Agora pense no que aconteceria se você fizesse um pouco mais do que o esperado.

Você já está fazendo o que as pessoas esperam. Com um pouco mais de esforço, você poderá fazer além do que elas esperam de você. Apesar de o esforço adicional ser mínimo, ele produz resultados impressionantes. Você deixa de ser “mais um” e passa a ser “um dos que vão além”.

Seja você um funcionário, um vendedor ou o proprietário da empresa, dar mais do que o esperado vai levá-lo longe.

Não é preciso um grande esforço para deixar de ser “comum” e passar a ser “extraordinário”. Apenas faça o que você faria normalmente e mais um pouco.

Desconheço a autoria.

Corra mais riscos

Posted in Inspiração with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 28/09/2012 by Joe

Rir é arriscar-se a parecer tolo.

Chorar é arriscar-se a parecer sentimental.

Estender a mão aos outros é arriscar-se a se envolver.

Mostrar os seus sentimentos é expor a sua humanidade.

Expor suas ideias e sonhos diante do povo é arriscar a sua perda.

Amar é arriscar-se a não ser amado.

Tentar é arriscar-se ao fracasso.

Mas os riscos têm que ser corridos, pois o maior perigo na vida é não arriscar nada.

A pessoa que não arrisca nada não faz nada, não tem nada e não é nada. Pode evitar o sofrimento e o pesar, mas não pode aprender, sentir, mudar, crescer, viver ou amar.

Acorrentado por suas certezas e vícios, é um escravo. Sacrificou o seu maior predicado, que é a sua liberdade individual.

Só a pessoa que arrisca é livre.

By Leo Buscaglia, do livro “Vivendo, Amando e Aprendendo.

%d blogueiros gostam disto: