Arquivo para Cortesãs

Tiramisú

Posted in Receitas with tags , , , , , , , , , , , , , , on 12/03/2011 by Joe

Há muito debate em torno da origem do Tiramisú e nenhuma menção a ele, em documentos, antes de 1983. Em 1998, Fernando e Tina Raris (autores do livro “La Marca Gastronomica”, dedicado à cuisine da cidade de Treviso) disseram que o Tiramisú era uma invenção recente e originário do norte da Itália.

Enquanto revelavam sua origem ao mundo, várias receitas e adaptações começaram a surgir. Na receita original não havia licor, já que destinava-se também às crianças e idosos. E a forma original do Tiramisú era redonda.

Há quem diga que o Tiramisú surgiu no final da Segunda Guerra Mundial, quando as mulheres faziam o doce para seus maridos levarem para o front – já que notadamente ela é uma fonte de energia. Também conta-se que, antigamente, cortesãs de Veneza acreditavam que deveriam consumir o tiramisú antes que os cavalheiros chegassem, para obter energia para entretê-los durante a noite inteira.

E há também uma teoria menos glamourosa explicando que a sobremesa era um modo de reaproveitar um bolo velho e café passado, utilizando um pouco de licor para umedecer o bolo seco.

No fundo, no fundo o Tiramisú é um refrescante clássico pavê italiano, cujo nome significa algo como “me escolha” (Tirami Su). Figurativamente, o nome pode ser traduzido ainda como “faça-me mais feliz” (ou menos triste).

Como já foi dito (e como sempre acontece com quase todos os pratos) variações desta sobremesa existem aos montes, dependendo da região em que é preparado. Até porque tem ingredientes que não são facilmente encontrados em todo lugar. É o caso do queijo cremoso Mascarpone e dos biscoitos ingleses, que podem ser encontrados em alguns supermercados e empórios que trabalham com produtos importados.

Então, vamos à receita original, sempre indicando as possíveis substituições!

Tiramisú

Ingredientes

100 g de café em pó
150 ml de água
50 ml de conhaque
6 gemas peneiradas
250 g de açúcar de confeiteiro
1 kg de mascarpone (na falta dele pode usar cream cheese)
450 g de biscoito inglês (biscoito champagne)
cacau em pó para polvilhar

Modo de preparo

Prepare um café bem forte, acrescente o conhaque e reserve.

Em uma batedeira, batas as gemas peneiradas com o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Acrescente o mascarpone gelado e bata até obter a consistência de chantilly.

Antes de começar a montar a sobremesa, molhe os biscoitos, um por um, na mistura de café com conhaque.

Em um refratário retangular, faça uma camada com o creme mascarpone,  batido os biscoitos embebidos no café e cubra com outra camada do creme mascarpone. Faça outra camada de biscoitos e finalize com uma nova camada do creme. Leve à geladeira por umas 4 ou 5 horas e polvilhe com o cacau em pó na hora de servir!

By Joe.

%d blogueiros gostam disto: